quinta-feira, 30 de maio de 2013

Multiplicadores



Alunos da Escola Eccos participam do monitoramento da água do Rio Paraíba
A conscientização ambiental é uma das maneiras mais eficazes de garantir a preservação dos recursos hidricos. Assim, os estudantes aprendem e multiplicam as ações de monitoramento da qualidade da água para outros   estudantes e escolas incentivando o trabalho de  recuperação e preservação do Rio Paraíba do Sul. 

terça-feira, 28 de maio de 2013

Hábitos cotidianos


Monitorar a qualidade da água é uma proposta para reflexão sobre como os nossos hábitos cotidianos interferem no meio em que vivemos e encontrar soluções através de práticas adotadas pela educação ambiental.
Imagens: Claudia Renata Vilela - DE SJC

segunda-feira, 27 de maio de 2013

Qual a relação das pessoas com o Rio Paraíba?

O Rio Paraíba sofre muito  com a poluição e  assoreamento causado pela extração da areia, que altera o curso do rio e derruba suas matas ciliares. Outro problema preocupante é o lixo e o esgoto urbano que altera consideravelmente a qualidade das águas. 
A proposta da atividade foi fazer um levantamento  sobre como as pessoas se relacionam com o Rio Paraíba objetivando a conscientização sobre a importância e responsabilidade de cada um no que diz respeito a sua preservação. 

Lazer - Morador da Região Norte pescando nas margens do rio.

Preservação - Sr. Alceu  planta árvores nas margens do Rio Paraíba a mais de 20 anos.
Navegação, pesca e lazer
Fotografia, lazer - Cláudia Renata Vilela (DE SJC)
Educação - Alunos conversam sobre a questão da preservação do rio.

Lazer - pesca

Degradação: Lixo

Religiosidade: - Morador gosta de rezar próximo ao Rio Paraíba

quarta-feira, 22 de maio de 2013

Lixo Extraordinário


O documentário relata o trabalho do artista plástico brasileiro Vik Muniz com catadores de material reciclável em um dos maiores aterros controlados do mundo, localizado no Jardim Gramacho, bairro periférico de Duque de Caxias. 
Fonte: http://www.lixoextraordinario.net/downloads.php
Filme completo: http://www.youtube.com/watch?v=FGjEk3SiXkE

segunda-feira, 20 de maio de 2013

Você pode fazer a diferença!


 “Apesar de decisões individuais parecerem pequenas em relação às ameaças e tendências globais, quando bilhões de pessoas unem-se por um objetivo comum, nós podemos fazer uma tremenda diferença. ” Ban Ki-Moon, Secretário-Geral da ONU

Este ano, o tema para o Dia Mundial do Meio Ambiente é Pensar.Comer.Conservar. O tema convida a todos a reduzir a pegada alimentar se tornando mais consciente do impacto ambiental do desperdício e da perda de comida por todo o ciclo de abastecimento.

O Dia Mundial do Meio Ambiente é celebrado em todo o mundo de diversas formas, inclusive passeatas, passeios de bicicleta, shows verdes, plantio de árvores, esforços de reciclagem, campanhas de limpeza e nós da eletiva água também vamos participar.

Ao celebrar o Dia Mundial do Meio Ambiente, recordamos e divulgamos a importância de zelar pelo nosso meio ambiente. Lembre-se de que cada ação conta, portanto junte-se a nós, todos os anos, em todos os lugares, pelo mundo todo!

terça-feira, 14 de maio de 2013

segunda-feira, 13 de maio de 2013

O impacto dos resíduos na água


A geração de resíduos e sua má disposição afetam diretamente o Rio Paraíba e esta questão está diretamente ligada ao modelo de desenvolvimento que temos, que incentiva o consumo desenfreado, gerando diversos impactos como a contaminação no ciclo hidrológico.
Para mudar os hábitos de nossa sociedade, é necessário um conjunto de ações educativas – mobilização, capacitação e sensibilização - que propiciem a redução da produção de resíduos, por meio do consumo mais consciente. 
Essas ações devem orientar medidas como a compostagem de matéria orgânica, o reaproveitamento e reciclagem, de maneira a ser destinados aos aterros sanitários apenas os rejeitos.

Imagem: Alana Fernandes

domingo, 12 de maio de 2013

Protagonismo juvenil


Alunos da Escola Eccos participam do monitoramento da qualidade da água do Rio Paraiba
Dentro da idéia de protagonismo juvenil proposta por Gomes da Costa, o jovem é tomado como elemento central da prática educativa, que participa de todas as fases desta prática, desde a elaboração, execução até a avaliação das ações propostas. 
É preciso construir e transmitir conhecimentos e sensibilizar outros alunos sobre a importância da preservação do  Rio Paraíba do Sul.
Gabriel Sales, aluno do 1A  explica para os alunos da Escola Eccos a importância do Rio Paraíba 
Emerson, aluno do 2A 

Alunos da Escola Eccos participam do plantio nas margens do Rio Paraiba do Sul

quinta-feira, 9 de maio de 2013

ENO TREE PLANTING DAY

Today is the international day of Tree Planting. Our people in the world plant and report this experience. It's a fantastic initiative, because most people that are planting are students! Hug to you too. This cause contributes for the environment.







                                              Together contributing to the environment!

Postado por Danielle Souza, 1A

quarta-feira, 8 de maio de 2013

Plantio de árvores

Plantio nas margens do Rio Paraíba do Sul

Alunos da Escola Ilza Irma plantam árvores com os alunos da Escola Eccos

É muito importante a conservação das  matas ciliares, pois elas  são fundamentais para o equilíbrio ecológico, oferecendo proteção para as águas e para o solo, reduzindo o assoreamento e a força da águas. Formam, além disso, corredores que contribuem para a conservação da biodiversidade.  
Em áreas com problemas de desequilíbrio ecológico a mata ciliar não é capaz sozinha de impedir a erosão das margens, ela apenas ajuda. Rios em processo de assoreamento tendem a sair de seu leito com mais facilidade durante as chuvas, provocando inundação e solapamento das margens. As árvores não resistem às constantes agressões sofridas e terminam por serem levadas pela força das águas e a falta de superfície de sustentação.

domingo, 5 de maio de 2013

Um rio sobrevivente



"O Rio Paraíba do Sul corta grande parte do Rio de janeiro e tem sua foz no Oceano Atlântico próximo à cidade de São João da Barra em Atafona, onde o Rio Paraíba se encontra com o mar."
Fotos: Ralph Braz - imagens feitas em São João da Barra e Atafona

sábado, 4 de maio de 2013

ÁGUA DA TORNEIRA X ÁGUA ENGARRAFADA

ÁGUA DA TORNEIRA PODE SER MAIS LIMPA DO QUE A ENGARRAFADA, DIZ ESTUDO
 
Você costuma beber água da torneira?
Caso não, a depender da sua cidade e do estado de limpeza do seu tanque, deveria.
 
  
Pesquisadores da Unesp, em um estudo publicado na revista Food Control, detectaram contaminação em 65% dos galões de água mineral, o que indica que a água que cai da torneira talvez seja menos prejudicial à saúde.

Ao analisar diversas amostras, a líder do estudo e pós-doutoranda da Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Unesp, Maria Fernanda Falcone Dias, encontrou níveis preocupantes de bactérias antes mesmo do vencimento do prazo de validade indicado no rótulo – em alguns casos, até nos primeiros dias de envase.
Por ser oriunda de fontes naturais, a água mineral não passa por nenhum tipo de tratamento. Mas ela deve ser livre de contaminação na origem e preservar suas características originais, com sais e micro-organismos benéficos à saúde humana. As fontes de água mineral devem ser certificadas pelo Departamento Nacional de Pesquisa Mineral. Por outro lado, a água vinda do abastecimento público passa por tratamento químico e físico, além de análises microbiológicas antes de ser distribuída nas cidades.
Análise
A pesquisa analisou 324 amostras de seis marcas adquiridas em Araraquara (SP) em épocas diversas. As garrafas de meio litro e de 1,5 litro foram avaliadas em 11 ocasiões ao longo de um ano, prazo recomendado para seu consumo, enquanto os garrafões de 20 litros foram testados cinco vezes durante os 60 dias de validade do produto.
Dos três tipos de embalagens, a de 20 litros foi a mais contaminada. Cerca de 65% das análises verificaram uma contagem de micro-organismos superior a 500 UFC/ml, o limite considerado para água de torneira – às vezes chegando a 560 mil UFC/ml, mais de mil vezes acima do padrão para a água da rua.
Foram detectados ainda a bactéria P. aeruginosa, que agrava a saúde de quem tem o sistema imunológico comprometido, e enterococos, indicadores de contaminação por esgoto. Para os cientistas, a contaminação geralmente decorre de falhas de higienização na indústria. Segundo eles, o ambiente, as embalagens e as tampas são fontes potenciais de bactérias, além dos próprios equipamentos e reservatórios de armazenamento das empresas.
Fonte: (EcoD)
Fonte: Vivagreen

quinta-feira, 2 de maio de 2013

Rios e Vida

Rio Amazonas

Episódio da série OS RIOS E A VIDA que mostra as características principais do Rio Amazonas e a sua influência sobre o povo que habita às suas margens, percorre sua extensão, apresenta a cultura local e discute os riscos sócio-ambientais que corre o rio.
Uma viagem de descida do AMAZONAS, permite-nos conhecer a grandiosidade de suas dimensões e as ameaças que o rio vem sofrendo em função da forma de apropriação de suas águas e da Floresta Amazônica. O documentário ressalta a grande influência que o ritmo natural do rio imprime no modo de vida dos ribeirinhos e como os alterações ambientais vêm impactando o cotidiano dos povos amazônicos. Núcleos urbanos no alto curso, a cidade peruana de Iquitos, Manaus e Santarém são paradas importantes nessa viagem.

quarta-feira, 1 de maio de 2013

Escola Sustentável


A escola está cada vez mais presente em nossas vidas. Quanto mais complexas as sociedades, mais tempo de escolaridade tendem a ter as pessoas. Longe de ser apenas um prédio onde ocorrem aulas, a escola é um lugar onde se formam redes de relacionamentos. Nela, estudantes e seus familiares, professores e outros funcionários interagem durante parte significativa de suas vidas. 

A qualidade dos relacionamentos que ocorrem na escola determina muito do que os estudantes serão quando adultos, do ponto de vista da aquisição de valores, visão de mundo, práticas sociais significativas e transformadoras. 

No momento em que as atenções se voltam para a melhoria de qualidade da educação no Brasil, o debate sobre sustentabilidade pode dar novo significado ao valor da escola. Afinal, a escola molda o presente e o futuro dos jovens que passam por ela, dos profissionais que a fazem funcionar, das famílias que confiam a ela a 
tarefa de contribuir com a educação de seus filhos.

Tornar a escola um espaço educador sustentável contribuirá com a melhoria da relação de aprendizagem. 

Mas, afinal, o que é uma escola sustentável? Trata-se de um local onde se desenvolvem processos educativos permanentes e continuados, capazes de sensibilizar o indivíduo e a coletividade para a construção de conhecimentos, valores, habilidades, atitudes e competências voltadas para a construção de uma sociedade de direitos, ambientalmente justa e sustentável. Uma escola sustentável é também uma escola inclusiva, que respeita os direitos humanos e a qualidade de vida e que valoriza a diversidade.

Para ser sustentável, portanto, a escola também precisa:
• Promover a saúde das pessoas e do ambiente.
• Cultivar a diversidade biológica, social, cultural, etnorracial, de gênero. 
• Respeitar os direitos humanos, em especial de crianças e adolescentes.
• Ser segura e permitir acessibilidade e mobilidade para todos.
• Favorecer o exercício de participação e o compartilhamento de responsabilidades. 
• Promover uma educação integral.

Dá para perceber que a sustentabilidade de que estamos tratando não está ligada unicamente à questão  ambiental. Abrange também as dimensões social, econômica, cultural e espiritual e tem no cuidado uma premissa essencial.

Fonte: IV Conferência Nacional Infantojuvenil pelo Meio Ambiente